Enfeite seu coração! Automaticamente estará enfeitando você! Heloísa Lugão

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Não, não, muito obrigada! Vou esperar mais um pouquinho!


Semana passada aconteceu uma coisa muito doida: fui pedida em namoro. Eu poderia estar feliz, radiante, saltitante, mas no fundo eu estou, não por ser pedida em namoro, mas pelo fato de não ter aceitado o pedido por simplesmente aceitar e ter um namorado.

 Fui pedida em namoro por um cara que eu só vi, conheci e fiquei uma única vez. Até ai tudo bem, mas isso foi em meados de janeiro deste ano, não foi por agora. Um cara que fez uma grande sacanagem comigo e agora volta como se tudo fosse flores.

A questão na verdade não foi nem por ele ter vacilado comigo, porque quando você gosta de uma pessoa, ela pode vacilar com você, mas se existir sentimento você até perdoa e faz de tudo para que fiquem juntos. Mas esse não é o meu caso. Não sinto nada por ele, absolutamente nada, nem magoas.


A verdade é que estou mega feliz, mas não porque fui pedida em namoro ou porque o cara que vacilou comigo veio me pedir uma chance. Estou feliz porque hoje tive mais uma prova que mudei, cresci, tenho pelo menos um cadinho de amor-próprio e autoestima. Coisa que eu não tinha e quem acompanha o blog desde o antigo sabe disso.

Em tempos atrás se eu fosse pedida em namoro não pensava duas vezes: ACEITAVA. Sem pensar no ontem, no hoje e no amanhã simplesmente aceitava porque a idéia fixa de ter um namorado me acompanhava. Porque  precisava de um namorado para falar para as pessoas que amo e sou amada. Precisava de um namorado para mostras para os exs que não deram valor que eles perderam e que ganhei um namorado. Pensava no que os outros  pensavam, achavam e não no que eu realmente queria. A carência era gritante, ela sempre falava mais alto em minhas decisões, ela sempre me fez ser refém deste sentimento que muitas vezes nos traem.

Tive uma experiência não muito boa depois de agir assim. Tive um namorado de 40dias. Trouxe na minha casa, apresentei para a minha família e divulgava aos quatro cantos que EU TENHO UM NAMORADO!!! Sim, tinha um namorado, mas não estava nada feliz, não sentia nada por ele e fui a mais chifruda de todos os tempos.


E hoje vejo que  poderia continuar no mesmo erro, aceitar e divulgar aos quatro cantos que eu desencalhei. Mas não é isso que quero e preciso no momento. O melhor de tudo foi saber que aprendi e não irei cometer o mesmo erro. Eu quero sim namorar, mas um cara bacana, que bate comigo, que me faça sentir friozinho na barriga e que mereça que eu abra mão de metade da minha boa vida de solteira que estou tendo. Não quero alguém pelo simples fato de ter alguém. Quero alguém que eu olhe e pense “poxa, ele vale a pena e é ele que eu quero” e no momento não estou com ninguém à vista assim.


Como ontem eu não fiz balanço, farei balanço de ontem hoje rs
Parte ruim do dia: pé na jaca total, descobri quem são algumas pessoas (isso me deixou triste), não corri na praia :(

Parte boa do dia: aniversário da minha chefa, descobri quem são algumas pessoas, arrumadinha e sei lá uma felicidade do nada ;)

3 comentários:

Dri disse...

Oi linda...
Saudade de voce. Voce sumiu geral. Fiquei muito feliz com sua volta.

Eu tb tenho dado minha sumidas. Agora apareci, mas como irei viajar darei outra sumidinha básica.

Bom ter noticias suas.
Se sumir, deixa o rastro.
Beijo

Flor de Lótus disse...

Oi,LÔ!Tão bom quando a gente percebe que tá crescendo no sentido mais amplo da palavra e que está amadurecendo que não se sujeita mais a qualquer coisa nem a qualquer um só por ter vergonha de estar solteira,ou encalhada como o povo adora dizer.Como diz a minha vó antes só do que mal acompanhada.Estais certíssima.
Beijossss

Cíntia Milanese disse...

A maioria dos erros e decepções de nossas vidas, acontecem por nossa culpa. Orgulhe-se de sia mesma, você realmente está no caminho certo. Amor próprio em primeiro lugar, sempre. Bjs.