Enfeite seu coração! Automaticamente estará enfeitando você! Heloísa Lugão

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Eu sigo e você fica!

Já pensei mil vezes em como começar este texto, porque sei que você vai ler e sei também que vai pensar e me dizer “Mas já?!”.
Mas já, já desisti de nós. Na verdade nunca existiu nós, sempre foi eu + eu e você + você, longe!
Não agüento mais essas suas atitudes, seus torpedos de bom dia e boa noite que parece que querem me manter. Não me mantenha por torpedos, desafie minha inteligência e me mantenha por atitudes.
Estou cansada de me esforçar para estar com você e você nadaaa. Esforço-me ao máximo para estarmos juntos e você nem o mínimo. Isto é uma prova de que não vale à pena continuar essa história louca como a nossa. Suas perguntas querendo saber o que farei no final de semana sendo que nem me inclui em seus programas, pra quê isso? Na verdade já sei, para que caso aconteça alguma alteração em seus planos você me procure. Mas isso não vai acontecer, aliás, nunca aconteceu e não será agora que vai. Vou evitar o máximo de ir aos locais que você está. Evitar te ver e que me veja também. Sei que nisso tenho muito mais pontos a favor do que você.
Não, eu não quero namorar sério com você, já expliquei tudo, falei do meu momento e que não tenho condições agora. Na verdade estamos no mesmo momento. O que na verdade quero é que você pare de me iludir, pare de querer me manter, pare de sumir e do nada aparecer como se nada tivesse acontecido. Quero que me deixe, me esqueça se for preciso.
Você não sabe quantos cigarros já fumei e quantas doses de wisk já bebi naquela noite em que te liguei. Fui no bar que você odeia, bebi a bebida que você odeia, fumei porque sei que você odeia. Pedi as bebidas mais fortes com seus sabores amargos só para esquecer os teus beijos. Tudo isso só pra te esquecer, tirar você do pensamento. Mas parece que quanto mais bebo e fumo, menos te esqueço. A intenção naquele dia foi de beber para ficar bêbada, a ponto de esquecer quem sou e no final esquecer quem é você. Mas foi impossível, bebia e não ficava bêbada, bebia e não esquecia você, mas é claro...já está fazendo parte de mim.
Olha, eu sei que é triste desistir das coisas assim no começo, mas você não ajuda, não colabora. Sabe também que sou teimosa, persistente, mas quando tomo uma decisão não volto atrás e não adianta mais me procurar, pois a porta estará fechada. E tomei a decisão de te deixar pra lá, esperar o dia em que você cresça tome atitudes de homem porque sou mulher e não uma adolescente como está acostumado, talvez seja ai o problema e nossas diferenças. Enfim, e talvez nesse dia já tenha encontrado um homem que me mostre que realmente sou mulher demais pra você. E ai não vai ter nada que me faça voltar atrás, aliás, já não tem mais nada que me faça voltar atrás. Eu sigo e você fica!
(Heloísa Lugão)

5 comentários:

Das coisas que vejo e gosto. disse...

É, flor...
Tem hora que a gente tem que decidir por quem não decide.
Belo texto!

Beijos,
Selma

Ruby disse...

Difícil quando se quer ser "nós" e uma apena busca essa harmonia.
É melhor sair em busca de outra pessoa que tenha a mesma vontade: a de ser dois. Sorte.

Anônimo disse...

Olá! Tudo bem? Sou nova por aqui, me chamo Rosi e acabei sabendo do seu blog por um grande acaso. Eu estava vendo uma página na internet e no menu direito desta página, tinha alguns blog recomendados, e o seu estava na lista, acabei clicando pra conhecer e nao saí mais daqui. Já li vários posts seus. Lí sobre como surgiu o seu blog. Pelas histórias que você já passou, me identifiquei muito com você. Também estou solteirissima neste momento e também concordo que é o melhor momento que temos na vida de refletir sobre nós, sobre nossa vida, sobre o que queremos, sobre o que não queremos, refletir sobre o que passou, enfim, tirar o máximo de proveito das situações que vivemos...Tem algo que eu levo como o meu lema nessa vida: tudo serve de experiência nessa vida. Nada é por acaso e nisso eu acredito fielmente, nunca vou deixar de acreditar. Vi que você mora no Espirito Santo. Eu moro em SP. Se morássemos perto, seriamos grandes amigas, agente ia dar muita risada do que já aconteceu com agente, porque é sempre assim, no inicio, quando acontece, agente sofre pra caramba, o pão que o diabo amassou, mas conforme o tempo vai passando, a dor também vai amenizando e depois de um tempo agente pensa em tudo e dá até risada. Adorei o propósito do seu blog, adorei a sua iniciativa, de dividir com os leitores, com pessoas que você nem conhece a sua experiencia de vida, as suas dores, angustias, duvidas, felicidades...acho isso muito legal, porque você tem a oportunidade de fazer novas amizades, pois pessoas que passaram por experiencias semelhantes, se identificam com você... Mas fala sério, isso porque você das minhas historias, rsrs. Tem horas que eu paro pra pensar e às vezes não acredito que eu já passei por tanta coisa e estou aqui, viva, inteira, sobrevivi e superei tudo (em se tratando de coisas do coração). Me identifiquei muito com você, acho que teriamos grandes lições pra trocar. Se quiser ser minha amiga, vou adorar! Alias, uma das coisas que eu também tenho procurado ultimamente, é amizades sinceras...
Beijos e mais uma vez parabéns pelo blog!

Loh LS disse...

Roseeee...menina adoreiii o teu comentário, mande teus contatos para o email do blog! Bjs

Flor de Lótus disse...

Oi,Helô!Eu to cansada desses joguinhos, de quer não quer,os guris adoram esse joguinho ter um step, uma reserva se a fulana não me quiser pelo menos eu tenho a sicrana é muito coisa de guri,por isso acho que vou dar um tempo e fechar pra balanço porque essas atitudes só provam o quanto eles são imaturos e não sabem o que querem.
Beijossss